Especialista alerta para prevenção do câncer de cabeça e pescoço

 

Ao longo de todo este mês, a Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (SBCCP) promove o #JulhoVerde, campanha de prevenção do câncer de cabeça e pescoço, com o objetivo de alertar a população sobre os sintomas da doença e a importância da detecção precoce. Levantamento do Instituto Nacional de Câncer (Inca) aponta que o câncer de boca, laringe e demais sítios é o segundo mais frequente entre os homens, atrás somente do câncer de próstata. Nas mulheres, prepondera o câncer da tireoide, o quinto mais comum entre elas.

Segundo Lucas Sant’Ana, médico oncologista que integra o corpo clínico do Hospital Dona Helena, nas fases iniciais, os tumores de cabeça e pescoço podem ser assintomáticos. “À medida que progridem, podem levar a alguns sintomas que devem servir de alerta: manchas na boca, dor em região oral ou para deglutir, feridas com cicatrização demorada, mudança na voz como rouquidão persistente e dificuldade para engolir. Nas fases mais avançadas, podem ainda surgir nódulos na região cervical”, detalha.

Tradicionalmente, os principais agentes relacionados a esse tipo de câncer são tabagismo e ingestão de bebidas alcoólicas, que respondem pela maior parte dos novos casos de câncer de cabeça e pescoço diagnosticados no Brasil. Porém, a infecção pelo papilomavírus (HPV) tem contribuído, nos últimos anos, com o aumento na incidência da doença, segundo a SBCCP. São cerca de 41 mil novos casos anualmente, de acordo com estimativas do Inca. Em geral, a idade média ao diagnóstico de câncer de cabeça e pescoço é entre 60 e 65 anos. Porém, é cada vez mais frequente o diagnóstico em indivíduos jovens (menores que 45 anos) com tumores originados pelo HPV.

Diagnóstico precoce e rápido início do tratamento são fundamentais para a cura do câncer de cabeça e pescoço. O diagnóstico tardio, que ocorre em 60% dos casos, deixa sequelas no paciente. “Não existem exames de rotina para identificação deste tipo de tumor, como ocorre, por exemplo, com a mamografia para câncer de mama ou colonoscopia para câncer de cólon. Profissionais de saúde da família, assim como dentistas, são fundamentais para o diagnóstico das lesões iniciais”, informa o médico.

 



Deixe uma resposta

Certificações
  • Certificado NBR ISO 9001
  • Joint Comission International Quality Approval
Afiliações
  • Anahp